Bombons Finos da Amazônia

Nossa logo foi criada para homenagear as tribos índigenas amazônicas.

Produção completamente artesanal no ínicio dos anos 2000.

Também fabricamos produtos sazonais, como o panetone de cupuaçu e os ovos de páscoa.

Balas de Castanha

Balas de Castanha

Nosso primeiro produto fabricado até hoje está em nossa linha de fabricação juntamente com as balas de cupuaçu.

Manaus

Manaus

Nossa capital possui mais de 2 milhões de habitantes e uma das maiores economias do país.

Clique nas imagens acima para mais informações.
Somos uma empresa fundada em 1998 na cidade de Manaus. No ínicio produziamos cerca de 200 bombons de cupuaçu e castanha quer eram comercializados nos mercados de Manaus, atualmente produzimos mais de 30000 unidades por dia, temos 5 lojas em Manaus e mais de 200 pontos de vendas em várias regiões do Brasil.

Em 2010 montamos nossa agroindústria, em um terreno de 140  hectares, onde produzimos todas as polpas que utilizamos na nossa fabricação, controlando assim a qualidade do produto desde o início do processo até a finalização do mesmo. Situada no município de Presidente Figueiredo, cerca de 130 km distante de Manaus, o empreendimento gera emprego e renda para a população local.

No final de 2014, finalizamos a construção de nossa nova sede no distrito industrial de Manaus, uma fábrica de 1300 m², com capacidade de produção de mais de 100.000 unidades por dia, padrão de qualidade superior, adotamos um projeto repleto de grandes janelas, favorecendo a iluminação natural e tornando o ambiente mais conectado com a natureza ao redor.

Durante todos esses anos a Bombons Finos da Amazônia sempre foi reconhecida como um exemplo de sucesso na região Amazônica, fabricando produtos com qualidade indiscutível e sempre buscando inovação em seus produtos e processos.

 

Bombons Finos da Amazônia

TEL: (5592) 3236-2610

ENDEREÇO: AV. BURITI - DISTRITO INDUSTRIAL - MANAUS / AM

  • White YouTube Icon
  • White TripAdvisor Icon
  • Facebook Clean
  • Instagram Clean

Produção completamente artesanal no ínicio dos anos 2000.